Internet 3G não chega a 60% da velocidade contratada

Não é só a conexão rÁpida tradicional que decepciona os consumidores ao não oferecer as velocidades determinadas no plano.

Os serviços de banda larga móvel também têm o desempenho, na prÁtica, bem pior do que o esperado, não ultrapassando os 60% da velocidade contratada.



A conclusão é da Folha de S. Paulo, que testou os serviços de Internet 3G de 1Mbps oferecidos pelas quatro maiores operadoras do país: Claro, Tim, Oi e Vivo. A publicação também percebeu que a situação fica ainda pior em dias úteis, quando a velocidade não chega a atingir a metade do plano comprado.


Imagem: Folha.com


O serviço também sofre com a instabilidade, com grandes variações de velocidade e qualidade do serviço, bem como quedas de conexão frequentes. De acordo com a Folha, isso ocorre, em parte, devido à natureza da tecnologia 3G, sensível a fatores como condições climÁticas, quantidade de pessoas conectadas em uma mesma região e posição geogrÁfica.

Em geral, as empresas garantem, no contrato, um mínimo de 10% da velocidade estabelecida. Desde o final do mês passado, algumas operadoras mudaram a abordagem na venda do serviço, passando a oferecer planos por tempo ao invés do desempenho em Mbps.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

Escolha sua arma:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.