Valve está trabalhando em novos games, confirma Gabe Newell

Durante uma apresentação em que falava sobre Artifact, o famigerado cardgame baseado em Dota 2, o chefe da ValveGabe Newell, disse que a empresa está de volta ao desenvolvimento de jogos e dará mais atenção a novos títulos.

Atualmente, o foco da Valve é a loja online e plataforma Steam, além dos jogos multiplayer Dota 2 e CS:GO, bastante populares no PC. Enquanto falava do criticado jogo de cartas, Newell disse que "Artifact é o primeiro de diversos games que estão vindo".

"Isso é meio que uma boa notícia. Oba! A Valve está fazendo jogos de novo"
- Gabe Newell, co-fundador da Valve

"Isso é meio que uma boa notícia. Oba! A Valve está fazendo jogos de novo"
- Gabe Newell, co-fundador da Valve

Até o momento Newell não deu detalhes sobre quais são os jogos que o estúdio está desenvolvendo ou se eles serão as tão aguardadas sequências de títulos anteriores da empresa, como Half-Life e Portal.

- Continua após a publicidade -

Em 2017, durante uma sessão de perguntas no Reddit, Newell disse que a Valve estava trabalhando em um grande jogo single-player. No mesmo ano, ele também revelou que a produtora estava fazendo três games em realidade virtual.

Gabe não comentou novamente sobre os projetos citados acima e, durante sua apresentação, disse que ainda não era hora de falar sobre o assunto. "Não vamos conversar sobre isso hoje", enfatizou.

Newell também citou a Nintendo, dizendo que "sente um pouco de inveja" de como a empresa consegue trabalhar bem o hardware e o software simultaneamente.

"Quando [Shigeru] Miyamoto está sentado e pensando na próxima versão de Zelda ou Mario, ele está pensando como será o controle, que tipo de gráficos e outras capacidades. Ele pode introduzir novas possibilidades, como sensibilidade ao movimento, porque ele controla essas duas coisas. E ele pode tornar o hardware tão bom quanto possível porque ele está projetando o software ao mesmo tempo. Então, é algo que nos deixa com um pouco de ciúmes, e isso é algo que nós aproveitaremos futuramente"

"Quando [Shigeru] Miyamoto está sentado e pensando na próxima versão de Zelda ou Mario, ele está pensando como será o controle, que tipo de gráficos e outras capacidades. Ele pode introduzir novas possibilidades, como sensibilidade ao movimento, porque ele controla essas duas coisas. E ele pode tornar o hardware tão bom quanto possível porque ele está projetando o software ao mesmo tempo. Então, é algo que nos deixa com um pouco de ciúmes, e isso é algo que nós aproveitaremos futuramente"

- Continua após a publicidade -

Segundo Newell, a Valve vai começar a investir cada vez mais em suas plataformas fechadas, como o SteamVR e o headset Vive, feito pela HTC. Segundo o desenvolvedor, os investimentos em sistemas fechados começaram porque o PC está caminhando para esse tipo de ecossistema, popular em produtos da Apple e, mais recentemente, da Microsoft.

"Isso começou a nos preocupar, porque achamos que a força do PC está em sua abertura. Então começamos a fazer investimentos para compensar isso", explicou Gabe Newell.

Enquanto não temos novidades sobre os jogos da Valve, o negócio é esperar. Será que Half-Life 3 está chegando?

Via: PC Gamer
Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

Qual vai ser o melhor game de setembro de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.