Serviço online pago do Nintendo Switch teria sido adiado para 2º semestre de 2018

O serviço online pago para o Nintendo Switch teria sido adiado para o 2º semestre de 2018, o que indica que a empresa pode estar enfrentando problemas de infraestrutura ou aproveitando para implementar novos recursos.

Serviços online da PlayStation e Nintendo sofreram problemas de conexão no natal

A informação apareceu no site oficial da Nintendo na Itália, que listava o lançamento do Nintendo Switch Online para o que seria a primavera de 2018 no hemisfério sul (entre setembro e dezembro).

Desde então, os dados foram retirados da página e substituídos por um genérico "2018", o mesmo que aparece nos outros sites oficiais da Nintendo.

Caso seja verdade, isso significa que o serviço chegará 1 ano após o planejamento original, que era para o final de 2017. Uma versão de testes chegou junto com Splatoon 2 no dia 19 de julho, mas desde então sua chegada foi adiada, para que a companhia possa deixar sua rede mais robusta e implementar todos os recursos.

- Continua após a publicidade -

Quando estiver disponível, o serviço online vai permitir jogar games co-op e competitivos online assim que o usuário logar com a sua conta da Nintendo. Apesar disso, será necessário pagar por isso, como acontece com a Xbox Live e a PlayStation Network. No momento, os usuários podem fazer isso através de um sistema de "prévia gratuita".

Junto com as funcionalidades do Nintendo Switch Online, a empresa vai trazer novas funcionalidades para o aplicativo de smartphones. No momento, ele permite chat por voz e acesso à SplatNet 2, dois recursos ligados ao jogo Splatoon 2.

Assinantes do serviço ainda vão ganhar acesso a jogos clássicos de consoles antigos da Nintendo, como Super Mario Bros. 3 e Dr. Mario do NES.

Os preços nos Estados Unidos deverão ficar na casa dos US$ 4 (R$ 13) por um mês ou US$ 20 por ano (R$ 66, ou R$ 5,50 por mês).

Via: WCCF Tech
Tags
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation 1. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia. Formado jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Os jogos mais aguardados do segundo semestre de 2021

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.