Um dos fundadores do grupo hacker Lizard Squad se declara culpado em julgamento

Um dos últimos fundadores do Lizard Squad a ser preso, Zachary Buchta, se declarou culpado pelos seus crimes virtuais nessa semana e se comprometeu a colaborar com a investigação da polícia em troca da redução de sua pena. Para quem não se lembra, este é o grupo responsável por atacar a PSN e a Xbox Live no natal de 2014, derrubando constantemente as duas redes em dezembro daquele ano.

Kim Dotcom convence o Lizard Squad a deixar a PSN e a Xbox Live em paz

O grupo ficou conhecido por ter um gosto pelos holofotes, se auto-promovendo em todas as chances que tinha e realizando outros ataques audaciosos, inclusive derrubando até o site da Agência Nacional contra o Crime do Reino Unido. Mas a arrogância do esquadrão dos lagartos não durou muito e o grupo começou a ser preso logo em 2015.

Buchta vai enfrentar uma pena de 2 anos e meio e ter que pagar uma multa de US$ 350.000 em danos para duas empresas online de apostas que ele ajudou a atacar. Se o hacker não cumprir os termos do acordo de ajudar na investigação, sua sentença pode chegar a até 10 anos. Ele está sendo julgado com outro membro do grupo, um hacker holandês que não teve o nome divulgado. Os dois são acusados ainda de operar um website chamado "phoneBomber.net" que oferecia um "serviço" de assédio. O cliente pagava uma taxa por volta de US$ 20 para a equipe do site ficar telefonando e assediando uma vítima específica, usando números falsos. Eles também hackearam a conta da Taylor Swift no Twitter.

Fonte: Engadget
Tags
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

Os jogos mais aguardados do segundo semestre de 2021

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.