Versão 1.0 de Playerunknown's Battlegrounds é lançada na Steam com mapa Miramar

Após nove meses de desenvolvimento em Early Access, 22 milhões de cópias vendidas, mais de 2 milhões de jogadores simultâneos e um prêmio no The Game Awards, o jogo Playerunknown's Battlegrounds finalmente foi lançado na Steam em sua versão 1.0.

A versão 1.0 do game de Battle Royale criado pelo modder Brendan "Playerunknown" Greene tem como principal novidade a chegada do novo mapa MiramarCom temática desértica, o novo local terá mais chances de ser selecionado para as partidas temporariamente.

O estúdio também ressalta que a chegada da versão final não significa que o desenvolvimento do game acabou. Segundo a PUBG Corporation, divisão da Bluehole criada para cuidar exclusivamente de Playerunknown's Battlegrounds, o time de desenvolvedores vai continuar ouvindo os jogadores para trazer aprimoramentos ao jogo.

"Alcançar a versão 1.0 significa para nós estabelecer uma estrutura básica para um gameplay estável de Battle Royale no nosso game. Balanceamento, polimentos em termo de armas, som, animação e outros recursos e sistema vão continuar após o lançamento"

"Alcançar a versão 1.0 significa para nós estabelecer uma estrutura básica para um gameplay estável de Battle Royale no nosso game. Balanceamento, polimentos em termo de armas, som, animação e outros recursos e sistema vão continuar após o lançamento"

A lista de mudanças implementadas na versão 1.0 é extremamente longa, mas a PUBG Corp ressalta as melhorias na gestão de servidores, que promete cortar pela metade os problemas de conexão do game. Além disso, o time está considerando adotar limitação de ping para garantir gameplay estável na versão final de PUBG.

- Continua após a publicidade -

Os desenvolvedores também disseram na Steam que o combate contra cheaters vai ser reforçado com o lançamento do game, que conta com ferramentas automáticas e manuais que reduziram cerca de 65,7% o número de trapaceiros no Battle Royale.

"Nenhum multiplayer online consegue remover todos os cheaters, mas nós vamos continuar nos esforçando para reduzir o número de trapaceiros e manter um ambiente de jogo justo"

"Nenhum multiplayer online consegue remover todos os cheaters, mas nós vamos continuar nos esforçando para reduzir o número de trapaceiros e manter um ambiente de jogo justo"

Você pode conferir todas as notas de patch da versão 1.0 de PUBG aqui, que inclui a lista de novas armas, balanceamento de dano, melhorias na animação e detalhes do novo mapa. O game está disponível na Steam por R$56. Confira os requisitos para rodá-lo abaixo:

Requisitos mínimos | PUBG

SO: 64-bit Windows 7, Windows 8.1, Windows 10
Processador: Intel Core i3-4340 / AMD FX-6300
Memória: 6 GB de RAM
Placa de vídeo: Nvidia GeForce GTX 660 2GB / AMD Radeon HD 7850 2GB
DirectX: Versão 11
Rede: Conexão de internet banda larga
Armazenamento: 30 GB de espaço disponível

Fonte: Steam
Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

Os jogos mais aguardados do segundo semestre de 2021

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.