Presidente da FCC zomba de preocupações da população em vídeo após fim da neutralidade nos EUA

Depois da Federal Communications Commission dos EUA (ou FCC, equivalente ao que é a Anatel no Brasil) aprovar uma medida para remover a regulamentação que determinava a neutralidade de rede por lá, o presidente do órgão regulador, Ajit Pai, fez um vídeo para zombar das preocupações da população com a mudança.

O vídeo beira ao bizarro, com o presidente da FCC se vestindo de Papai Noel, segurando um Fidget Spinner e usando um óculos de eclipse. Ajit Pai ainda chega a vestir um moletom preto com um capuz e agitar um sabre de luz falso nas mãos, para logo depois começar a dançar o Harlem Shake — sim, em referência ao antigo meme de 2013.

Teles brasileiras discutem mudar a neutralidade da rede no país

A ideia do vídeo seria de explicar "7 coisas que você ainda pode fazer na internet após o fim da neutralidade de rede", na tentativa de fazer um vídeo no estilo "anúncio de utilidade pública" engraçadinho, no qual o próprio Ajit Pai se descreve como "salvador da internet".

Ele diz que os usuários ainda vão poder "postar suas comidas no Instagram" ou "fazer maratonas de suas séries favoritas", entre outras coisas.

- Continua após a publicidade -

Só que o vídeo não lida com o maior problema de todos: a qualidade em que esses serviços serão oferecidos. Com a nova regulamentação da neutralidade de rede nos EUA, as operadoras ganham o direito de reduzir a velocidade ou até mesmo bloquear certos serviços dos usuários.

Ao mesmo tempo, essas empresas podem cobrar mais caro para que o consumidor possa acessar determinados sites de maneira mais rápida que outros. Ou seja, as operadoras podem sim impedir os usuários de postar fotos no Instagram ao retirar o acesso ao site de seus planos mais baratos, ou ao cobrar mais caro para usar o serviço com a velocidade de hoje.

Essas são preocupações legítimas que consumidores de internet dos Estados Unidos possuem, e que estão sendo zombadas pelo funcionário público que deveria protegê-los. Os críticos de Ajit Pai, que incluem 2 dos seus colegas comissários da FCC, dizem que o fim da neutralidade de rede é uma "afronta à liberdade de expressão e a um mercado de internet vibrante", conforme aponta o Chicago Tribune.

A comissária da FCC, Jessica Rosenworcel, descreveu o processo que levou à votação como "corrupto" e disse: "eu discordo do desprezo que esta agência mostrou aos nossos cidadãos na busca deste caminho de hoje".

- Continua após a publicidade -

Claro que o vídeo de Ajit Pai não fez o menor sucesso com os usuários. Até o momento em que esta notícia foi escrita, ele teve 5 mil votos negativos e apenas 600 votos positivos de 33 mil visualizações. Todos os principais comentários envolvem xingamentos à FCC, ao fim da neutralidade de rede ou ao presidente do órgão em si.

Via: NY Times, Chicago Tribune, El País Brasil, NY Times, Chicago Tribune, El País Brasil
Assuntos
Tags
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation 1. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia. Formado jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Os jogos mais aguardados do segundo semestre de 2021

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.