Netflix estaria testando séries de TV interativas para jovens e adultos

A Netflix estaria experimentando com a produção de séries de televisão interativas para jovens e adultos, que seriam bastante semelhantes aos programas interativos para crianças que o serviço já possui, só que com temáticas e estilos mais maduros.

A decisão de explorar novos produtos interativos veio depois da resposta positiva a programas de TV como "Puss in Book: Trapped in an Epic Tale" e "Buddy Thunderstruck: The Maybe Pile".

Ambos permitem que os usuários escolham como as histórias se desenrolam e como elas terminam. De acordo com a Bloomberg, os resultados desses programas deixaram o diretor de conteúdo da Netflix, Ted Sarandos, satisfeito o suficiente para trazer a experimentação para séries de adultos.

A principal responsável pelos testes com conteúdos interativos é a diretora de inovação de produtos da Netflix, Carla Engelbrecht Fischer. Ela é a criadora da companhia de design de games No Crusts Interactive.

"As crianças já estão falando com a tela. Elas estão tocando em todas as telas. Elas acham que tudo é interativo".
- Carla Engelbrecht Fischer, diretora de inovação da Netflix

"As crianças já estão falando com a tela. Elas estão tocando em todas as telas. Elas acham que tudo é interativo".
- Carla Engelbrecht Fischer, diretora de inovação da Netflix

Até hoje, nenhum formato de seriados ou filmes interativos conseguiu conquistar grandes públicos. Apesar disso, a Netflix tem poder e alcance suficientes para mudar isto. A companhia prevê investir entre US$ 7 bilhões e US$ 8 bilhões na criação de conteúdos em 2018.

- Continua após a publicidade -

 

Via: The Verge Fonte: Bloomberg
Assuntos
Tags
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation 1. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia. Formado jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Os jogos mais aguardados do segundo semestre de 2021

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.