Erro de programação congela US$ 280 milhões em Ethereum na carteira Parity

Com a popularização das criptomoedas, os problemas envolvendo a nova tecnologia estão cada vez mais comuns. Nesta semana, um erro de programação no serviço de carteira virtual Parity acabou congelando cerca de US$ 280 milhões em Ethereum.

De acordo com o Business Insider, um usuário não identificado deletou uma biblioteca de códigos e afetou todas as carteiras multi-assinatura do serviço criadas após 20 de julho.

As carteiras do tipo multi-sign costumam ser utilizadas por startups e grupos empresariais, pois requerem o aval de mais de uma pessoa para movimentarem o dinheiro. Consequentemente, o montante colocado neste tipo de carteira costuma ser alto.

Apesar das estimativas apontarem que cerca de 1 milhão em Ether está inacessível, a Parity diz que o problema talvez não seja tão grande, e que o dinheiro congelado não vai a lugar algum.

- Continua após a publicidade -

A Parity lançou um comunicado dizendo que está investigando o problema e lançará atualizações assim que estiverem disponíveis. Você pode acompanhar o desenrolar da treta no Twitter da companhia.

Lembrando, também, que a Parity já sofreu com um ataque de hackers no mesmo sistema de carteiras multi-assinatura, o que rendeu um prejuízo de R$ 100 milhões na época.

Assuntos
Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.