Chefe de tecnologias Radeon, Raja Koduri deixa a AMD com carta de despedida

Raja Koduri encerrou o dia de ontem com uma informação surpreendente: ele está deixando a AMD. O executivo se tornou o primeiro chefe do Radeon Technologies Group (RTG), divisão criada especialmente para cuidar do desenvolvimento de soluções gráficas pela empresa. Colocando de maneira simples, Koduri era o chefe das GPUs no lado vermelho da força. A decisão de deixar a empresa veio depois de um recesso de 40 dias:

"40 é um número significativo na história. É um número que representa a transição, teste e mudanças. Eu fiquei 40 dias longe do escritório passando por uma transição assim. Foi um período importante com minha família que também me oferece um espaço raro para reflexão. Durante este tempo eu cheguei à extremamente difícil conclusão que chegou a hora de deixar o RTG e a AMD."

"40 é um número significativo na história. É um número que representa a transição, teste e mudanças. Eu fiquei 40 dias longe do escritório passando por uma transição assim. Foi um período importante com minha família que também me oferece um espaço raro para reflexão. Durante este tempo eu cheguei à extremamente difícil conclusão que chegou a hora de deixar o RTG e a AMD."

O trecho acima foi retirado da carta de Koduri, que pode ser lida na íntegra neste link (em inglês). No texto ele reafirma que acredita nas tecnologias AMD e que vai continuar sendo um fã e um usuário de seus produtos, tanto no uso pessoal como no profissional. Ele agradece Lisa Su pelo apoio e exprime admiração pela CEO da AMD.

Koduri encerra sua carta dizendo que já pediu muito de seu time nos últimos 2 anos, mas que tem mais 5 pedidos para fazer em sua despedida:

- Continuem focados no roadmap!
- Honrem seus compromissos!
- Continuem a cultura da Paixão, Persistência e Diversão!
- Deixem a AMD orgulhosa!
- Deixem-me orgulhoso!

Fonte: VideoCarz
Tags
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.