Elon Musk propõe usar foguetes para viajar em 1 hora para qualquer lugar na Terra

O CEO da companhia de transporte espacial SpaceX, Elon Musk, tornou públicos seus planos de utilizar foguetes para viagens de longa distância dentro do Planeta Terra.

Site oficial: SpaceX

De acordo com Musk, a tecnologia permitiria realizar até os voos mais longos em no máximo 1 hora. Para comparação, a rota direta mais demorada hoje em atividade é entre Auckland (Austrália) e Doha (Catar), que leva entre 17h30min e 17h40min.

O mais interessante ainda é que a proposta da SpaceX é oferecer essas viagens pelo preço de uma passagem de classe econômica oferecida pelas companhias aéreas hoje.

A ideia, ilustrada pelo vídeo em destaque acima da notícia, funcionaria assim: os passageiros pegam um barco na costa de uma grande cidade e vão até a plataforma de lançamento, que fica no meio do mar.

- Continua após a publicidade -

De lá, eles viajam pela órbita da Terra numa velocidade de até 27 mil km/h e pousam numa plataforma que flutua próxima de outra grande cidade. A viagem da plataforma até a terra firme é feita novamente de barco.

A ideia de Elon Musk é utilizar o mega-foguete BFR (Big Fucking Rocket) da companhia para levar a gigantesca espaçonave comercial até a órbita da Terra.

No momento, tanto o foguete quanto a espaçonave existem apenas em teoria. Mesmo assim, o CEO da SpaceX espera que a construção do foguete será iniciada num período de 6 a 9 meses.

No vídeo, o único exemplo que envolve o Brasil promete uma viagem do Rio de Janeiro até Hong Kong em 53 minutos. Hoje, essa viagem leva cerca de 1 dia e 1 hora, com no mínimo uma escala na Europa.

Via: Engadget, The Verge Fonte: SpaceX
Tags
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Quem estava pior no primeiro vídeo?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.