Produtor da série Narcos é assassinado no México

Carlos Muñoz Portal, membro da equipe de produção do seriado Narcos, foi assassinado no México enquanto buscava por novas locações para gravações. O homem de 37 anos morreu baleado em uma região rural do Estado do México, região no centro do país conhecida por sua violência. A serie é uma produção do Netflix, e a imagem acima é de uma das cenas da terceira temporada.

Muñoz Portal teria saído para fazer algumas fotografias para a produção. Ainda não se sabe o motivo do assassinato. Esse estado tem contabilizados 1.174 homicídios entre janeiro e julho deste ano, sendo o segundo mais violento do país, de acordo com dados oficiais.

O Netflix divulgou uma nota oficial sobre o ocorrido:

Estamos cientes da morte de Carlos Muñoz Portal, um respeitado gerente de locação, e oferecemos nossas condolências aos seus familiares. Os fatos ainda são desconhecidos, já que as autoridades continuam investigando o que aconteceu

Muñoz era um produtor experiente, com mais de 10 anos de experiência na indústria cinematográfica, e seu currículo incluía filmes como “007 Contra Spectre”, “Sicario” e “Velozes & Furiosos”.

Fonte: El País
Assuntos
Tags
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

Você quer processadores da AMD com gráficos integrados

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.