Hackers da Coreia do Norte seriam responsáveis por ataques a transações de Bitcoin

Hackers ligados ao governo da Coreia do Norte seriam responsáveis por ataques recentes a transações de Bitcoin e a carteiras individuais de usuários que ocorreram nos últimos 6 meses.

Quem percebeu as movimentações suspeitas foi a firma de cibersegurança FireEye. Segundo eles, os alvos dos hackers incluem a empresa de finanças sul-coreana Yapizon, assim como outras 2 companhias não identificadas.

"Não deve ser surpresa de que as criptomoedas, como uma classe de ativos emergente, estão se tornando o alvo de interesse de um regime que opera em muitas maneiras como um empreendimento criminal", explica o relatório da FireEye.

"Enquanto, no momento, a Coreia do Norte é de algum modo distinta tanto na sua disposição para financiar o crime quando na sua possessão de capacidades de ciberespionagem", completa a firma.

Via: Tech Crunch Fonte: FireEye
Tags
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation 1. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia. Formado jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.