Novo topo de linha da Apple se chama iPhone X e traz tela OLED sem bordas

A Apple revelou seu mais novo smartphone topo de linha, o iPhone X, durante keynote realizada no Steve Jobs Theater. Ele se destaca por seguir a linha de aparelhos como Xiaomi Mi MixSamsung Galaxy S8 ao trazer tela OLED praticamente sem bordas.

A empresa promete que o novo dispositivo é "o maior salto de tecnologia desde o iPhone original", lá em 2007. A tela é chamada pela Apple como Super Retina display.

  

Ela possui resolução 2436 x 1125, a maior já incluída num smartphone da companhia. Seu tamanho é de 5.8 polegadas, resultando numa densidade de pixel 458 ppi.

O display suporta as tecnologias Dolby Vision e HDR10, incluindo taxa de contraste 1.000.000:1. 

- Continua após a publicidade -

O dispositivo utiliza tela na frente e na traseira, com o mesmo reforço em aço aplicado nos iPhone 8 e 8 Plus. Ele possui resistência a água e a poeira.


O novo design acabou com o tradicional botão home. Em seu lugar, agora basta tocar com o dedo na tela para ativá-la. Para desbloquear o dispositivo, agora basta deslizar o dedo para cima a partir da parte inferior da tela. O mesmo gesto serve para voltar para a tela inicial e algo parecido é feito para ativar o multi-tarefa.

Outros recursos incluem uma câmera de escaneamento facial em 3D, que permite desbloquear o smartphone utilizando seu rosto ao invés da digital. Ele permite até mesmo fazer login em contas, autenticar pagamentos e abrir aplicativos seguros. A companhia está chamando a tecnologia de Face ID.

 

- Continua após a publicidade -

De acordo com a companhia, o Face ID é 20 vezes mais seguro que a solução de desbloqueio por digitais Touch ID. O sistema projeta 30 mil pontos infravermelhos para comparar com o rosto do usuário e desbloquear o dispositivo.

Para esse sistema complexo, o dispositivo utiliza um motor neural implementado no novo chip hexa-core A11. Trata-se de um hardware especializado que foi criado especificamente para ler um conjunto específico de algoritmos de aprendizado de máquina. São 600 bilhões de operações por segundo.

A promessa é de que o Face ID continuará funcionando bem, mesmo que o usuário mude seu corte de cabelo, use um chapéu extravagante ou coloque óculos. Segundo a Apple, ele é à prova do uso de fotos ou até mesmo de máscaras complexas para enganá-lo. A tecnologia só será um problema para quem possui um irmão gêmeo, de acordo com a companhia.

A novidade permitiu a criação dos animojis, que basicamente são emojis animados em 3D. Eles capturam as expressões faciais dos usuários em tempo real.

O iPhone X possui duas câmeras traseiras de 12 MP com sensores maiores e mais rápidos. As lentes têm aberturas f/1.8 e f/2.4 com estabilização ótica dupla e melhor zoom em situações de pouca luz. A câmera frontal do dispositivo tem suporte aos recursos Potrait Mode e Potrait Lightning.

A promessa é de que a bateria do dispositivo dura 2 horas a mais do que a do iPhone 7. O novo iPhone ainda possui suporte a carregamento sem fio Qi.

O iPhone X parte de US$ 999 pela versão de 64 GB. O dispositivo chega ao mercado no dia 3 de novembro. Uma versão de 256 GB será anunciada até lá.

Tags
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation 1. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia. Formado jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.