Pesquisa comprova que leitura de e-books é mais lenta

A leitura de livros em um dispositivo eletrônico demora mais do que ler uma obra publicada em papel convencional, de acordo com uma pesquisa realizada pela consultoria de produtos Nielsen Norman Group.

O estudo concluiu que a leitura em um aparelho eletrônico é cerca de 10% mais demorada do que a tradicional, a partir da observação de 24 pessoas utilizando o Kindle 2, o iPad, um computador e um livro impresso.



Apesar da demora, os usuÁrios afirmaram preferir ler e-books em um tablet do que livros em papel. Porém, as pessoas apontam a tela do computador como a pior plataforma para a leitura, de acordo com o PC World.

Nenhuma estatística foi informada sobre o tempo de leitura no computador. No iPad, porém, a atividade é mais rÁpida do que no Kindle: apenas 6,2%  mais devagar se comparada à leitura no papel.

Quem ficou com o e-reader da Amazon, levou um tempo 10,7% maior em relação ao livro convencional. No entanto, a diferença não é significativa na prÁtica. "É tão pequena que não seria uma razão para comprar um ao invés de outro", afirma o dr. Jakob Nielsen.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

Escolha um lado:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.