Dota 2 recebe enxurrada de análises negativas na Steam porque Half-Life 3 não existe

Dota 2 está recebendo uma grande quantidade de análises negativas ultimamente, mas o motivo para isso não é sua comunidade tóxica ou alguma atualização ruim. O problema, para os usuários insatisfeitos, é que a Valve nunca lançou Half-Life 3.

Steam: Dota 2

O mais provável motivo para o ressurgimento dessa frustração é o recente vazamento da história de Half-Life 2: Episode 3. Ele foi publicado por Marc Laidlaw, ex-escritor da Valve.

Como conta o site VG24/7, isso provavelmente lembrou esses usuários de como faz quase 10 anos desde que HL2: Episode 2 foi lançado.

Grande parte das análises negativas recentes de Dota 2 possui as palavras "half-life", "hl" ou "hl3" em algum lugar. Alguns usuários aproveitaram o momento de frustração para reclamar de experiências ruins com outros jogos da Valve, como Counter-Strike: Global-Offensive.

- Continua após a publicidade -

Games como Team Fortress 2, Dota 2 e Counter-Strike: Global Offensive criaram um novo modelo de negócios para a Valve, que passou a lucrar com a massiva venda de cosméticos.

Desde então, populares séries da companhia como Half-Life, Left 4 Dead e Portal deixaram de ganhar sequências. Recentemente a Valve anunciou Artifact, um game de cartas baseados no universo de Dota, que será lançado em 2018. Esse é o primeiro título completo da empresa desde 2013, quando saiu a versão final de Dota 2.

Nesse meio tempo, a companhia lançou Counter-Strike Online 2 na Coreia do Sul em 2013, Counter-Strike Nexon: Zombies em 2013, Left 4 Dead: Survivors para fliperamas no Japão e The Lab para HTC Vive em 2016.

Via: VG24/7, PC Games N
Tags
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Quem estava pior no primeiro vídeo?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.