Brian Krzanich, CEO da Intel, deixa conselho de Trump após eventos em Charlottesville

Brian Krzanich, CEO da Intel, anunciou esta semana que a empresa saiu do Conselho Americano de Manufatura de Donald Trump após a demora do presidente em se posicionar sobre os eventos em Charlottesville, cidade da Virginia que foi alvo de uma manifestação nazista.

Em um post no blog da empresa, Krzanich disse que a saída da Intel do grupo de aconselhamento serve para "chamar a atenção para os sérios problemas que a divisão política está causando".

O CEO da Intel possuía uma relação próxima com o governo, e estava junto com o presidente quando apresentou uma de suas maiores fábricas para chips de 7 nm. 

Segundo Krzanich, muitos políticos parecem mais interessados em atacar as pessoas que discordam delas, ao invés de defender quem luta por igualdade. Ele disse que estaria disposto a voltar a ter relações com o governo se isso mudar.

Além da Intel, os dois dias que Donald Trump demorou para tweetar um posicionamento convincente condenando o movimento de supremacia branca acabou levando a saída de mais dois empresários de seu conselho.

Ken Frazier, CEO da empresa farmacêutica a Merck & Co, foi o primeiro a deixar o conselho do presidente. Frazier, que é afro-americano, explicou a saída dizendo que é uma questão de consciência pessoa. "Sinto a responsabilidade de assumir uma posição contra a intolerância e o extremismo".

O presidente respondeu o ato de Frazier no Twitter dizendo que os medicamentos vendidos pela empresa são caros. "Ken Frazier, da Merck Pharma, renunciou ao Conselho de Manufatura do Presidente, ele terá mais tempo para abaixar os preços extorsivos dos remédios".

Outra empresa que cortou relações com o presidente foi a fabricante de equipamentos esportivos Under Armour. O CEO Kevin Plank se posicionou no Twitter dizendo que "não há lugar para o racismo ou a discriminação neste mundo".

- Continua após a publicidade -

Trump ainda não comentou sobre a saída da Intel do seu conselho.

Via: Engadget
Assuntos
Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.