Pesquisadores conseguem infectar computador usando vírus codificado em cadeia de DNA

Pesquisadores da Universidade de Washington conseguiram um feito fascinante e assustador ao mesmo tempo: junto com especialistas em segurança online, eles infectaram um computador com um vírus codificado em uma cadeia de DNA.

De acordo com o TechCrunch,  o objetivo dos pesquisadores era mostrar a fraqueza dos sistemas de código aberto utilizados para análise em diversos laboratórios ao redor do mundo.

E, ao invés de utilizarem métodos atuais, como os famosos ransomwares, o grupo resolveu olhar para o futuro e mostrar que até mesmo uma simples sequência de DNA pode ser utilizada para roubar informações.

"Uma das grandes coisas que tentamos fazer na comunidade de segurança do computador é evitar uma situação em que dizemos: 'Eita, os inimigos estão aqui batendo na nossa porta e não estamos preparados'", conta o professor Tadayoshi Kohno, um dos participantes do projeto.

Segundo os estudiosos, as máquinas de análise tratam o DNA como um sistema de arquivo, analisando a sequência (guanina, timina, citosina) e a transformando em códigos binários. O trabalho feito pelos pesquisadores foi criar uma cadeia que carregasse um arquivo executável para o computador na hora da transição dos dados.

- Continua após a publicidade -

Apesar de ser algo bem primordial, o exploit feito em 176 bases conseguiu executar comandos no computador logo após ser convertido para códigos binários.

Além do experimento feito na Universidade de Washington, algumas pesquisas já estão avançadas no armazenamento de dados em DNA. A Universidade de Columbia já conseguiu guardar 215 petabytes de dados em apenas um grama do material genético. A Microsoft também já possui testes na área.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Via: TechCrunch
Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.