Overclocker faz delid do Ryzen Threadripper e mostra o chip AMD Epyc em seu interior

O overclocker der8auerque já apareceu aqui trazendo tretas da plataforma X299 e abrindo processadores, lançou um vídeo esta semana onde faz o delid da CPU AMD Ryzen Threadripper, mostrando o chip Epyc em seu interior.

O vídeo foi retirado do ar (mas deve voltar em breve, segundo ele), porém, temos algumas imagens do processador aberto no site TechPowerUp.

Utilizando ferramentas profissionais para descolar o processador, o overclocker abriu o chip e o deixou inutilizável, mas agora temos imagens do seu interior.

A CPU violada é composta por quatro dies com oito núcleos cada. Como informado pelo ExtremeTech, o overclocker diz no vídeo que o Threadripper usa apenas dois dos quatro dies presentes no PCB. Os outros dois não são funcionais ou foram desabilitados pela AMD. A empresa não comentou se existirá a possibilidade de habilitar a parte não-funcional do processador via software futuramente.

- Continua após a publicidade -

Confira benchmarks do Ryzen Threadripper aqui

Assim como acontece nos Ryzen 7, a AMD utilizou solda no Ryzen Threadripper. Com forma retangular, os dies possuem ouro platinado em sua formação para melhorar as condições de aderência da ligação no chip, segundo o overclocker.

Fique ligado no canal do Youtube de der8auer para ver o delid em vídeo, que deve aparecer no canal em breve. A prática de delid não é bem vista pelas empresas, já que pode tornar o hardware inutilizável e tirar a garantia da fabricante.

Apesar disso, possivelmente o que levou o vídeo a ser retirado do ar foi um acordo de confidencialidade, já que não tivemos uma apresentação formal da linha de CPUs de alto desempenho da AMD. Mais informações sobre os processadores Ryzen Threadripper serão reveladas durante a Siggraph 2017, evento que rola entre 30 de julho e 3 de agosto - que também será palco de lançamento das RX Vega.

Via: TechPowerUp
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

Em um remake, você quer:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.