A treta continua: Elon Musk discute com Mark Zuckerberg sobre Inteligência Artificial

Muita gente teme que a Inteligência Artificial acabe com a existência da raça humana no futuro, mas, atualmente, a IA está dizimando a paz no Vale do Silício. Depois de receber críticas de um especialista do MIT, o CEO da Tesla Elon Musk trocou farpas com Mark Zuckerberg, o dono do Facebook, sobre os perigos da Inteligência Artificial.

Recentemente, Musk declarou em um encontro com governantes dos Estados Unidos que a Inteligência Artificial é uma ameaça para a humanidade e deve ser regulada.

Tesla: conheça a fabricante de carros elétricos de Elon Musk

Durante uma live no Facebook, Zuckerberg deu sua opinião sobre as declarações do dono da Tesla, dizendo que ele foi irresponsável ao demonizar a Inteligência Artificial.

"Eu estou otimista. E acho que as pessoas que são negativas estão tentando martelar esses cenários apocalípticos. Simplesmente não compreendo. É muito negativo e, de certa forma, acho até que é muito irresponsável"

Zuckerberg também complementou que a IA é feita e controlada por seres humanos, que podem usá-la de forma responsável ou não. "A tecnologia pode ser sempre usada para o bem e o mal, e você precisa ter cuidado sobre como você constrói ela, o que constrói e como isso vai ser usado".

"O conhecimento dele no assunto é limitado", diz Musk

Após as declarações do dono do Facebook, Elon Musk comentou sobre o assunto no Twitter. Respondendo a um internauta que mencionou a fatídica livestream, o engenheiro disse que já conversou com Zuckerberg e que o conhecimento dele sobre o assunto é "limitado".

Zuckerberg ainda não deu a sua tréplica sobre a treta da Inteligência Artificial, mas possivelmente teremos mais repercussões do assunto. As opiniões de Musk foram refutadas por usuários do Twitter, que disseram para o executivo apresentar argumentos para embasar a sua teoria. O dono da Tesla disse que um "filme sobre o assunto será lançado em breve".

Via: The Verge
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

O quanto você valoriza a localização de um game?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.