Nvidia presenteia pesquisadores de IA com primeiras GPUs Tesla V100

Durante o fim de semana, o CEO da Nvidia realizou um evento para parabenizar alguns dos principais pesquisadores de inteligência artificial do mundo. O executivo presenteou cada um deles com as primeiras GPUs de aceleração computacional Tesla V100.

RX Vega e GTX 1080 são colocadas lado a lado rodando game em evento da AMD

A Tesla V100 é baseada na arquitetura "Volta", a mais recente da empresa. Essas novas GPUs possuem núcleos de aceleração especiais, dedicadas para treinamento deep learning, o que promete ajudar de maneira significativa na pesquisa de IA. "AI é a tecnologia mais poderosa que já conhecemos", justificou Jen Hsun Huang, CEO da Nvidia.

A Tesla V100 foi anunciada contando com 5120 núcleos CUDA e 16GB de memórias HBM2. A placa é destinada à aplicações profissionais de alta demanda, contando com HBM2 de 4096-bit que pode oferecer 900GB/s de largura de banda. 

A GPU Volta presente na Tesla V100 é feita no processo 12nm FinFet pela TSMC. Ela conta com 21 bilhões de transistores, 80 SMs, 40 TPCs e clocks de 1370/1455MHz em base e boost clock, respectivamente. A placa dual-slot não suporta NVLINK, mas diferente das versões SXM2, ela pode se conectar à uma variedade maior de placas-mãe com a conexão PCIe.

Via: Blog Nvidia
  • Redator: Mariela Cancelier

    Mariela Cancelier

    Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

Em um remake, você quer:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.