2º trimestre de 2017 foi o pior para o mercado de PCs nos últimos 10 anos

A indústria de PCs teve seu pior trimestre desde 2007, de acordo com o último levantamento do Instituto Gartner. As remessas mundiais de PCs caíram 4,3% no segundo trimestre de 2017 se comparado com o mesmo período do ano passado. Essa marca representa a 11ª vez que os envios da indústria tiveram declínio e totalizou 61.1 milhão de unidades em demanda. 

No ano passado, a própria Gartner estimou que 2016 deveria ser o último ano de queda nas vendas de PC, com previsão do mercado voltar a crescer a partir de 2017. 

SSDs devem ficar mais caros em 2017 por causa de transição para memórias 3D NAND

Uma das razões da queda de mercado é o preço de componentes como memórias e telas LCD, explica a Gartner. O aumento nos custos dessas peças estariam influenciando os valor de produção final, tornando PCs em geral mais caros. 

Nos Estados Unidos, o mercado de PCs teve uma queda de 5,7%. Um dos fatores que também afetam a porcentagem de mercado nesse país é que setores educacionais estão trocando sistemas de desktops por Chromebooks, dispositivos que não são inclusos na conta de mercado de PCs.   

- Continua após a publicidade -


Estimativa de marcado nos Estados Unidos

Via: Business Insider
Assuntos
Tags
  • Redator: Mariela Cancelier

    Mariela Cancelier

    Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

Em um remake, você quer:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.