Análises de GTA V ficam extremamente negativas na Steam após proibição de mod

As análises de usuário recentes de Grand Theft Auto V na Steam passaram a ser classificadas como "extremamente negativas", depois que a Rockstar Games derrubou a popular ferramenta de modificações OpenIV.

Os usuários foram rápidos para começar a protestar, e a plataforma já lista 41 mil análises recentes, sendo que a média delas é "extremamente negativas" — o pior possível.

As análises recentes foram tantas que conseguiram baixar o game da classificação "extremamente positiva" para "neutra" no total de suas 231 mil avaliações de usuários.

A Rockstar Games já emitiu um comunicado oficial dizendo que não há problemas nos jogadores criarem mods para seus games. O que os incomoda são as modificações que saem do ambiente single-player e passam a afetar a experiência de GTA Online.

- Continua após a publicidade -

De acordo com a companhia, o OpenIV passou a permitir "recentes mods maliciosos que permitem o assédio de jogadores online e interferem com a experiência de GTA Online para todos". "Nós estamos trabalhando para descobrir como podemos continuar a suportar a comunidade criativa sem impactar nossos jogadores de maneira negativa", diz a Rockstar.

Esse mesmo Grand Theft Auto V é um dos games mais bem-sucedidos da história. O título teve algumas das análises mais positivas de todos os tempos da crítica, com média 96 no Metacritic no PC. Ele também foi a obra de entretenimento que atingiu US$ 1 bilhão em menos tempo, precisando de apenas 3 dias.

Para os criadores e usuários dos mods, isso não adianta de nada. O usuário GooD-NTS, um dos chefes de desenvolvimento da ferramente, disse que sempre trabalhou totalmente dentro da lei, fazendo o possível para isso.

Ele alega que eles sempre seguiram o Código Civil da Rússia, seu país de origem, que permite apenas engenharia reversa para interoperabilidade. Ainda segundo o chefe de desenvolvimento, eles nunca distribuíram o código original ou dados originais do jogo, e "definitivamente não mexeram com o Online".

Via: Eurogamer, PC Gamer
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

A Activision acertou ao colocar músicas do Charlie Brown Jr. no Tony Hawk's 1+2

Últimas

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.