Malware Judy entra na Play Store e infecta 36,5 milhões de dispositivos Android

A companhia especializada em segurança digital Check Point revelou que uma lista de aplicativos que continham o malware Judy, que infectou ao menos 36,5 milhões de dispositivos Android.

O mais surpreendente é que nem quem só utiliza a Google Play Store para obter seus aplicativos estava a salvo. Todos os apps maliciosos continham a marca "Judy" (o mesmo nome do vírus em si), e estavam disfarçados de games de moda ou de cozinhar. Um deles estava sendo distribuído dentro da Play Store.

Os arquivos maliciosos só infectavam o dispositivo depois que o app era instalado e fazia contado com servidores que não pertenciam à Google. Foi assim que ele passou pelo Bounce, o programa de proteção da Google Play.

A partir daí, o vírus não era exatamente perigoso para os dados da vítima. O que ele fazia era começar a clicar nas propagandas do Google ads, gerando receitas para quem espalhou o malware. O pessoal da Check Point não encontrou provas de que a privacidade das vítimas foi afetada.

Via: Tech Times
Tags
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Qual vai ser o melhor game de outubro de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.