Agora é oficial: Ryzen Mobile chega com gráficos Vega no segundo semestre de 2017

Não foi somente para o segmento de alta performance que a AMD mostrou novidades ontem. A empresa anunciou também os Ryzen Mobile, versão para notebooks, all in ones e outros modelos de computador compacto extremamente aguardada por muitos usuários. Além de confirmar que os processadores chegam na segunda metade de 2017, a empresa confirmou que eles vão contar com gráficos Vega on-die.

A promessa, como mostrado no gráfico acima, é uma performance 50% maior em troca de um consumo 50% menor de energia, quando comparados com a geração atual de APUs, os "Carrizo". A nova GPU Vega garantiu um incremento de 40% na performance no mesmo comparativo.

"O Ryzen Mobile vai ter uma duração de bateria fantástica, você vai ver uma ótima performance em aplicativos de produtividade, e ele vai ter uma experiência de jogo fenomenal. Você vai ser capaz de conseguir uma experiência de jogos AAA fenomenal em um notebook fino e leve."
Jim Anderson, vice-presidente sênior e diretor geral do Grupo de Computação e Clientes da AMD

"O Ryzen Mobile vai ter uma duração de bateria fantástica, você vai ver uma ótima performance em aplicativos de produtividade, e ele vai ter uma experiência de jogo fenomenal. Você vai ser capaz de conseguir uma experiência de jogos AAA fenomenal em um notebook fino e leve."
Jim Anderson, vice-presidente sênior e diretor geral do Grupo de Computação e Clientes da AMD

- Ryzen em todos os segmentos

Chegando junto com os Ryzen Mobile, aparecem também os Ryzen Pro, processadores da empresa voltados para o segmento profissional e empresarial, como sugerido pelo nome. Não foram dados tantos detalhes sobre a performance dos novos componentes para empresas, mas a AMD os comparou com o Intel Core i5 7500, saindo na frente nos benchmarks:

- Continua após a publicidade -

O roadmap da empresa prevê o lançamento de uma versão mobile para os Ryzen Pro também, no primeiro semestre de 2018:

Fonte: PCWorld
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

Qual vai ser o melhor game de outubro de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.