Licenciamento do formato MP3 chega ao fim; padrão AAC é um de seus sucessores

O Instituto alemão Fraunhofer de Circuitos Integrados, criador do icônico formato MP3, declarou que as patentes de codificação desta tecnologia foram encerradas. Agora, o software é livre de licença para quem quiser criar qualquer conteúdo em MP3. 

Diferente da patente de codificação, as patentes de decodificação do MP3 expiraram anos atrás, o que significa que qualquer um pode usar conteúdos nesse formato sem pagar por isso há algum tempo. Muitos veículos estão falando na "morte do MP3" com a recente declaração do Instituto, mas talvez o formato se torne ainda mais popular já que é uma tecnologia suportada pela imensa maioria de dispositivos que reproduzem áudio. 

Spotify está pensando em lançar seu próprio gadget, segundo oferta de emprego

Enquanto o MP3 continua popular para alguns consumidores, novos formatos como o AAC "podem entregar mais recursos e uma qualidade de áudio melhor", comunicou o Instituto. Esses novos formatos podem levar mais informações e têm melhores opções de transmissão do que o MP3. 

Microsoft registra patente para "Direct Physics" que pode levar Havok ao DirectX 12

- Continua após a publicidade -

O MP3 foi muito popular entre os anos 90 e 2000. As pesquisas desse formato começaram ainda nos anos 80, desenvolvido pelo Instituto Fraunhofer em parceria com a Universidade de Erlangen-Nuremberg. 

Via: The Next Web
Assuntos
Tags
  • Redator: Mariela Cancelier

    Mariela Cancelier

    Jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), fui estagiária do Adrenaline/Mundo Conectado entre 2015 e 2017. Gosto de jogos de luta (o que marcou minha infância foi Tekken 4) e MOBAs. Atualmente sou colaboradora de ambos sites e apareço de vez em quando em alguns vídeos e reviews dos canais.

Escolha um lado:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.