[Rumor] Uber continua rastreando usuários do iPhone mesmo após app ser deletado

Relatórios e notícias internacionais apontam que o serviço de caronas Uber estaria rastreando a localização de usuários do iPhone mesmo depois de terem deletado o app do smartphone. A empresa disse em uma entrevista ao The New York Times que o aplicativo não localiza onde os usuários estão após terem excluído a plataforma. Por problemas semelhantes, Tim Cook, CEO da Apple, ameaçou banir o Uber da App Store. 

"Nós não estamos rastreando usuários ou sua localização atual caso ele delete o app", confirmou um porta voz da Uber. A Uber utiliza sistema de leitor biométrico em iPhones que têm essa funcionalidade para detectar comportamentos fraudulentos. Essa prática teve que se adequar à política de privacidade da Apple, mas isso não exclui a possibilidade de que o app ainda poderia rastrear usuários. 

Will Strafach, da Sudo Security Group, explicou que o Uber abusou de certos recursos do iOS para rastrear usuários entre a desinstalação e instalação. Isso, provavelmente, tornaria o processo de reinstalação mais fácil para o usuário, mas nada que os rastreasse após a desinstalação, segundo o pesquisador. 

A empresa está passando por diversos problemas, recebendo acusações desde "roubar tecnologias de carros autônomos da Google" a abuso sexual por parte de motoristas. Na situação atual, o Uber já foi banido da Itália, por exemplo, e enfrenta processos e ameaças de outros países. 

Via: BGR
Tags
  • Redator: Mariela Cancelier

    Mariela Cancelier

    Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

Qual vai ser o melhor game de outubro de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.