Presidente da Uber renuncia cargo após seis meses porque empresa estava "problemática"

O presidente da Uber, Jeff Jones, anunciou que está renunciando seu cargo e deixando a companhia. Saindo após apenas seis meses de operação na empresa, o agora ex-presidente disse que sua retirada é uma consequência por não ser um candidato indicado para a função, já que a empresa estaria "mais problemática do que ele achava".

Jones disse à Recode:
"As crenças e a abordagem da liderança que guiaram minha carreira são inconsistentes com o que eu vi e experimentei na Uber. Não posso mais continuar como presidente da companhia de caronas".

Segundo fontes internacionais, os executivos da Uber não ficaram surpresos com sua saída súbita. Além do ex-presidente ter que lidar e gerenciar as confusões contra taxistas, o assédio sexual dentro da empresa também foi um assunto muito debatido pela Uber ultimamente.

Via: NeoWin
Assuntos
Tags
  • Redator: Mariela Cancelier

    Mariela Cancelier

    Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

Qual vai ser o melhor game de outubro de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.