Nintendo Switch deverá mesmo ter GPU Nvidia Maxwell de 2ª geração e CPU quad-core

O Nintendo Switch deverá mesmo utilizar uma GPU da Nvidia baseada na 2ª geração da arquitetura Maxwell, conforme havia sido especulado anteriormente. A informação vem de documentos com informações sobre o console para desenvolvedores, que apareceram online.

De acordo com o vazamento, a unidade gráfica terá 256 núcleos CUDA – a mesma quantidade que possui o set-top box Nvidia Shield TV, aparelho que leva o mesmo processador gráfico.

Na parte do processador, o que veremos será uma CPU quad-core com 4 núcleos ARM Cortex-A57 rodando a 1 GHz. Esses são os mesmos cores de alto desempenho utilizados nos smartphones topo de linha da geração passada, como o Galaxy S6 ou o LG G4, porém rodando a um clock menor.

O motivo para provavelmente é o aquecimento. Um menor clock deve ter sido adotado para evitar o thermal throttling – redução de velocidade para reduzir temperatura – que acontece com tanto frequência nos celulares.

O primeiro a notar os documentos do Nintendo Switch foi um usuário do Reddit, que logo depois foi seguido pelo pessoal do NeoGAF.

De acordo com o site WCCF Tech, vários desenvolvedores e pessoas com conhecimento do console confirmaram a veracidade das informações.

- Continua após a publicidade -

Para baixar os arquivos vazados, clique num dos links abaixo:
Visão geral do Nintendo Switch

Guia de recursos do sistema do Nintendo Switch
Guia rápido para o Kit de Desenvolvedores do Nintendo Switch

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Via: Wccf Tech
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation 1. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia. Formado jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.