Valve não pretende lançar novos jogos para consoles, revela Gabe Newell

O amor da Valve pelo PC está indo tão longe que a empresa pretende continuar longe dos consoles, de acordo com Gabe Newell, CEO da companhia. Em entrevista ao Eurogamer, o criador da Steam revelou os motivos da empresa ter parado de lançar e desenvolver jogos para plataformas fechadas como Xbox One e PS4.

O CEO da Valve disse que a companhia não costuma lidar bem com as imposições das companhias que fabricam consoles e que a liberdade do PC agrada a empresa e se encaixa na sua filosofia. "Eu tenho certeza que as outras pessoas são muito bem sucedidas nesse ambiente, mas parte do nosso DNA tende a não funcionar bem quando alguém tenta colocar um monte de barreiras e processos entre nós e nossos consumidores", disse Newell.

"Você tenta falar sobre jogos free-to-play com alguém que está fazendo planejamento de produto em um console e eles dizem ‘Oh, não temos certeza de que free-to-play é uma boa ideia’"
- Gabe Newell, dono da empresa por trás dos free-to-play Dota e Team Fortress, exclusivos do PC

Segundo Newell, o objetivo da Valve é facilitar a vida dos desenvolvedores e dar mais liberdade para quem faz jogos, mas algumas empresas acabam dificultando isso. Para ilustrar o caso, o CEO da Valve utilizou o lançamento do aplicativo da Steam para iOS, onde a companhia teve que esperar cinco meses para lançar um update.

"Assim que entregamos o aplicativo, recebemos diversas respostas e, praticamente no dia seguinte, tínhamos uma atualização pronta. A Apple segurou essa atualização por seis meses e não tivemos nenhuma explicação sobre isso. Quando soltaram, não nos avisaram. É esse o tipo de situação que se tem nesses ambientes fechados", explicou Gabe. "Nós não sabemos como fazer sucesso no iOS."

- Continua após a publicidade -

"Tudo o que fazemos é para facilitar a nossa vida e criar ferramentas para tornar mais fácil a vida de outros desenvolvedores de software"

Na geração de consoles passada, a Valve lançou jogos como "Left 4 Dead", "Counter Strike Global Offensive" e "The Orange Box, com "Portal" e "Half Life". Os games estão chegando agora no Xbox One através da retrocompatibilidade do console, e possivelmente serão os principais títulos carregando a marca da Valve nos videogames de mesa nos próximos anos.

 

Via: Eurogamer
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

Quem estava pior no primeiro vídeo?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.