Mercado de hardware para PC de jogos cresce e bate a marca de US$ 30 bilhões em 2016

A empresa de pesquisa Jon Peddie Research (JPR) revelou que o mercado de hardware para PCs cresceu em 2016 e alcançou a marca de US$ 30 bilhões.

Esta é a primeira vez que a indústria de hardware para computadores voltados para jogos bate a marca de US$ 30 bilhões, englobando vendas da peças, acessórios e computadores gamers feitos por empresas e consumidores.

O maior mercado consumidor de hardware gamer é a região da Ásia-Pacífico, responsável por US$ 11,3 bilhões dos ganhos da indústria. Segundo a JPR, a região possui diversos fatores que contribuem para isso, incluindo uma grande população, a cultura de videogames amplamente disseminada e a ausência de força no mercado de consoles.

A América do Norte e a Europa ganham destaque por serem os principais mercados a investirem em hardware topo de linha, segundo a empresa de pesquisa. Em relação ao crescimento de mercado, porém, a Ásia e países do Pacífico continuam na frente, com um aumento de 9.61% na venda de hardware entusiasta para games em 2016.

A JPR também aponta que o mercado de hardware para PCs deve alcançar uma taxa anual de crescimento de 6% até 2019. O ano só está começando, mas já temos grandes anúncios sendo feitos e que possivelmente vão mexer com o mercado, incluindo os processadores Pentium mais poderosos e as CPUs Ryzen da AMD, por exemplo.

Via: Tech Power Up
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

Quem estava pior no primeiro vídeo?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.