Chefe da Platinum Games se pronuncia sobre cancelamento de Scalebound

Uma das primeiras grandes notícias do ano na área de games não foi das melhores: a Microsoft decidiu cancelar Scalebound, jogo que seria exclusivo para o Xbox One e para o PC pela Windows Store. A declaração da produtora veio na segunda-feira, dia 9, e agora chegou a vez da Platinum Games falar sobre o assunto e, como seria de se esperar, se desculpar. O CEO da desenvolvedora, Kenichi Sato, fez a seguinte declaração:

A respeito do cancelamento de Scalebound

Pedimos desculpas que, no dia 9 de janeiro de 2017, a Microsoft anunciou o cancelamento de Scalebound. Estamos muito desapontados que as coisas acabaram desse jeito, especialmente quando nós sabemos quantos de nossos fãs estavam ansiosos para este jogo, tanto quanto nós estávamos. 

Seguindo em frente, vamos nos esforçar para continuar entregando jogos de alta qualidade para vocês, começando por NieR:Automata em março, e incluindo produtos como GRANBLUE FANTASY Project Re:Link e LOST ORDER no futuro.

Continuaremos trabalhando duro para alcançar suas expectativas e esperamos a continuidade do seu apoio!

- Continua após a publicidade -

Presidente e CEO

Kenichi Sato

O diretor da Platinum Games e responsável direto pelo game, Hideki Kamiya, usou o Twitter para se desculpar também:

- Continua após a publicidade -

Ele também respondeu a especulações sobre um dos motivos do atraso do desenvolvimento ter sido uma suposta folga do diretor por motivos de saúde:

Fonte: Kotaku
Assuntos
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

Qual vai ser o melhor game lançado em maio de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.