CyanogenMod vai "viver" através do LineageOS

O fim do suporte ao CyanogenMOD pela Cyanogen deixou incerto o futuro da ROM customizada do Android. Apesar da iniciativa ser de código aberto, ou seja, é possível para a comunidade manter vivo o projeto, sem os aportes financeiros da Cyanogen vai ser preciso que voluntários mantenham o desenvolvimento do sistema operacional vivo e surgem outras dificuldades básicas, como manter o servidor no ar (o do CyanogenMOD já saiu do ar, antes mesmo do prazo do dia 31).

A Cyanogen não deixou de existir, e agora seguirá apostando em um conceito um pouco diferente: o Cyanogen Modular, uma plataforma que possibilitaria incluir módulos da Cyanogen em ROMs baseadas em Android de outras empresas que desenvolvam suas customizações "MOD Ready".

A comunidade em torno do que sobrou do CyanogenMOD, além das questões financeiras, precisaram resolver o problema relacionado ao nome do sistema. Com a Cyanogen ainda operando, manter esse nome poderia trazer futuros problemas legais. O jeito foi partir para outro nome, e assim nasceu o Lineage, que será levado adiante através de voluntários. Considerando o número de ROMs que existem no mundo Android através desse modelo, e a vantagem de "nascer" com o legado importante do CyanogenMOD, o projeto tem boas chances de seguir adiante.

Além de seus recursos diferenciados, o CyanogenMOD era a principal alternativa para quem queria tirar a ROM customizada da fabricante de seu dispositivo, e gostaria de uma abordagem mais próxima ao do "Android puro". A ROM também era a principal saída para quem possuía um aparelho que não era atualizado para versões mais recentes devido ao descaso da fabricante, algo comum em aparelhos com mais de dois anos de mercado, especialmente nos segmentos intermediários e de entrada.

Tags
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.