Imagens mostram suposta GPU Vega rodando Doom em resolução 4K e acima de 60 fps

A AMD teria feito uma demonstração da sua nova placa de vídeo topo de linha com arquitetura Vega e, de acordo com as publicações WCCF Tech e TechPowerUp, ela é um monstro. A companhia teria feito uma exibição com o game de tiro em primeira pessoa da id Software Doom, de 2016.

Rodando com a API Vulkan habilitada, a GPU da AMD manteve taxa de frames acima de 60 fps, tocando muitas vezes na média de 68 fps. Isso é um desempenho cerca de 10% melhor que o da Nvidia GeForce GTX 1080 rodando a 1911 MHz.

Um detalhe a ser notado é que os relatos dizem que a AMD quis manter em segredo a aparência da placa de vídeo. Por isso, ela cobriu todas as entradas de ventilação do gabinete e as entradas de ar dos coolers.

Por isso, como nota o pessoal do site PCGamesHardware.de, é bem possível que estivesse rolando um throttling por parte da GPU, ação onde ela diminui o desempenho para contornar um aumento na temperatura.

- Continua após a publicidade -

A AMD utilizou drivers comuns para as placas de vídeo Fiji (R9 Fury X, Fury e Nano), com uma camada adicional para debugging. Como nenhum driver otimizado para a geração Vega foi usado na demonstração, existe uma boa margem para melhoras. Ainda mais quando for adicionado um resfriamento adequado.

A placa de vídeo Vega topo de linha deverá ter 8 GB de memória HBM2, com 512 GB/s de largura de memória. Sua interface de memória é de 2048 bits. Segundo as notícias, ela possui incríveis 12.5 teraflops de precisão FP32, mais do que as já absurdas Nvidia Tesla P100 e a GeForce GTX 1080.

Via: PCGamesHardware.de, WCCFTech, TechPowerUp
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Qual você acha melhor?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.