CPU AMD Jaguar está limitando a performance do PS4 Pro, apontam testes

Desde seu lançamento, o PS4 Pro virou pauta nos sites de tecnologia por causa de alguns problemas, desde performance em games até incompatibilidade com algumas TVs. Enquanto a Sonyfalou sobre a incompatibilidade com televisões, os bugs na hora de rodar os games ainda são investigados, e a resposta para os problemas de desempenho do PS4 Pro já está virando unânime: a CPU AMD Jaguar.

A Sony substituiu o chip gráfico do PS4 no PS4 Pro, que vem equipado com uma GPU Polaris de 4.20 TFLOPs, mas o console ainda conta com o mesmo processador da versão anterior do videogame, uma AMD Jaguar de oito núcleos. O diferencial da CPU do PS4 Pro é a frequência: enquanto o PS4 possui clock de 1.6GHz, o novo modelo recebeu um overclock chegando até 2.1 GHz.

Porém, como aponta o Digital Foundry, a decisão de manter a mesma arquitetura e não substituir o processador pode estar segurando a performance do console. Nos testes feitos pelo Eurogamer com "Batman Arkham Knight", durante algumas das cenas, o ganho de performance no game, 6FPS, bate exatamente com o aumento do poder da CPU, que ganhou 31% a mais de frequência.


Cena em que o PS4 Pro tem ganho de 31% no framerate, 6FPS, mesmo ganho do overclock na CPU Jaguar

Como acontecem em outros processadores, fazer overclock não traz um aumento significativo no desempenho. É possível ver como isso funciona nos benchmarks abaixo, onde a CPU AMD FX-8370 ganhou um boost em sua frequência, que subiu de 4.0GHz base e 4.3GHz em turbo core para 4.6GHz constantes, mas a performance não teve um ganho muito alto:

- Continua após a publicidade -

De acordo com o Eurogamer, em alguns casos, o hardware do PS4 Pro serve para estabilizar o desempenho do game, e não trazer melhorias significativas na performance. "Em outras áreas que caem abaixo de 30FPS no hardware base (PS4), o limite permanece acima no PS4 Pro.

Apesar de não fazer muito sentido usar o mesmo processador em um console novo, a resposta mais lógica para esta escolha da Sony seria a falta de novos chips AMD no mercado. A empresa lançará as CPUs Zen apenas no ano que vem -- e possivelmente vai equipar o Xbox Scorpio. De acordo com o Tweaktown, para ganhar frente no mercado e não precisar esperar, a dona do PS4 teria optado por fazer um overclock no bom e velho Jaguar e aproveitar esses ganhos de performance, mesmo deixando o hardware datado.

Você pode ver os testes completos com "Batman Arkham City" do Digital Foundry no vídeo abaixo:

Via: Eurogamer, Tweaktown
Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

Como está o hype para Cyberpunk 2077

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.