Conveniência dos serviços de streaming está auxiliando a diminuir a pirataria na Austrália

Além de ser o lugar onde vários animais fantásticos habitam, a Austrália também é um dos lugares que mais apresenta queda de pirataria graças aos serviços de streaming. E um dos principais motivos para isso é a conveniência, de acordo com um relatório liberado pelo Departamento de Comunicação do país.

Segundo a pesquisa, disponível neste link, 50% dos australianos preferem pagar por um serviço de streaming por causa da conveniência na hora de assistir. Outros fatores citados pelos entrevistados são a velocidade da transmissão (39%) dar suporte para os produtores (37%) e evitar a utilização de conteúdos e sites piratas.

A plataforma que mais apresentou crescimento anual foi o Netflix, que saiu de 9% no ano passado e já é utilizado por 27% da população australiana, sendo a terceira maior plataforma de streaming do país. Quando o assunto é música, o serviço mais popular é o Spotify, utilizado por 30% dos australianos.

Graças a esses motivos, o uso de serviços de streaming cresceu de 54% para 57% no país, enquanto os adeptos de downloads ilegais caíram de 43% para 39%. O principal motivo que ainda mantém alguns usuários na pirataria é o custo dos conteúdos, mencionado por 52% das pessoas que baixam conteúdos piratas.

 

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Via: ZDNet
Assuntos
Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.