Intel comemora 45 anos de seu 1º processador; conheça indústrias que utilizam tecnologia da empresa

A Intel está comemorando 45 anos de lançamento do seu primeiro processador. O componente foi projetado para realizar operações matemáticas simples em uma calculadora, e desde então, os microprocessadores são indispensáveis para qualquer dispositivo computacional que usamos atualmente. 

E como o mercado de tecnologia se reinventada constantemente, a Intel, e é claro, outras empresas, desenvolvem processadores cada vez mais rápidos e com mais desempenho, ao mesmo tempo, que se tornam menores e mais potentes. Isso graças à Lei de Moore, que basicamente prevê que os chips dobram o número de transistores todo ano, sem aumentar custos.

Entenda a Lei de Moore: veja infográficos sobre a principal profecia do mundo da tecnologia

Na lista dos benefícios da existência de processadores podemos mencionar que os objetos são cada vez mais inteligentes e indispensáveis. Abaixo, podemos compreender cinco indústrias além da computação que se beneficiam com a tecnologia e desempenho de processadores:

Indústria de Esportes – A indústria esportiva conta com a tecnologia Replay Technologies, em parceria com a Intel, que fornece experiências de visualização mais precisas. Além da imersão e projeções para realidade virtual, a tecnologia oferece visualizações em 3D das partidas.

Intel começa a produzir chips em 10nm e deve lançar Cannonlake em 2017

- Continua após a publicidade -

Indústria de Carros inteligentes – A associação das empresas BMW Group, Intel e Mobileye resultará no desenvolvimento de sistemas inovadores e das soluções necessárias para a condução totalmente automatizada e incorporarão estas tecnologias na produção em série antes de 2021.

Intel vai investir US$ 250 milhões em tecnologia para carros autônomos

Indústria da Moda – A Intel e a IMG se associaram com alguns designers para transmitir ao vivo a passarela em realidade virtual estereoscópica completa, na semana de moda de NY deste ano. Quem quiser assistir pode acessar a experiência baixando um aplicativo da VOKE para assistir com o headset Samsung Gear VR.

Pesquisas de inteligência artificial – Abrangendo métodos computacionais como análises avançadas de dados, visão computacional, processamento de linguagem natural e aprendizagem automática (machine learning), a inteligência artificial está transformando o modo como as empresas operam e como as pessoas interagem com o mundo.

- Continua após a publicidade -

Project Alloy é o headset VR da Intel que funciona independente de controles e PC

Drones – A Intel está desenvolvendo novas tecnologias no segmento de veículos aéreos não tripulados. A Intel anunciou o primeiro drone para consumidores, o Yuneec Thyphoon H com a tecnologia Intel RealSense para navegação inteligente entre obstáculos. Além disso, a empresa disponibilizou a tecnologia Intel Aero Platform para os desenvolvedores que desejam construir seus próprios drones. 

Intel e Disney farão shows de drones com LEDs que simulam fogos de artifício

O primeiro processador da Intel:
Desenvolvido por Federico Faggin, Ted Hoff e Mazor Stanley, o Intel 4004 foi um processador de 4 bits e 16 pinos que operava em 740 KHz. O chip contava com oito ciclos de clock por ciclo de instrução, o que significa que ele era capaz de realizar até 92.600 instruções por segundo.

  • Redator: Mariela Cancelier

    Mariela Cancelier

    Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.