Inteligência Artificial do Google desenvolve sua própria criptografia de mensagens

Além de legendar fotos, a inteligência artificial do Google agora é capaz de trocar mensagens com outras redes neurais sem ter sua privacidade violada. Segundo uma pesquisa de Martín Abadi e David G. Andersen, a AI do Google criou uma criptografia de mensagens para trocar notas secretas.

Nos testes, a AI foi testada com três sujeitos virtuais criados pela rede neural, Alice, Bob e Eve. Na experiência, Alice e Bob tinham que trocar mensagens secretas binárias que não podiam ser descobertas por Eve. No começo, o casal teve dificuldades para encriptar suas conversas, mas após mais de 15 mil tentativas frustadas por Eve, Alice conseguiu desenvolver uma criptografia que apenas Bob conseguia decodificar.

Como todo o processo foi criado baseado em padrões de deep learning e nem os pesquisadores conseguiram decodificar os códigos, a encriptação desenvolvida por Alice não tem finalidades práticas, além de mandar recados para Bob.

Google se junta a cientistas e cria "5 leis da inteligência artificial"

Via: Engadget
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.