Playstation VR vende mais unidades que o PS4 em sua semana de estreia no Japão

O Playstation VR começou a ser vendido nos principais mercados da Sony na semana passada e os primeiros números do acessório já estão aparecendo. Segundo a empresa de análise Media Create, a realidade virtual do Playstation chegou com tudo no Japão: nos primeiros sete dias, o PS VR vendeu 51,644 unidades na terra do sol nascente.

A pesquisa foi feita entre 10 e 16 de outubro, com o Playstation VR sendo lançado no dia 13. Ou seja, além de vender mais de 50 mil unidades, a novidade teve três dias a menos de amostragem que as outras plataformas.

De acordo com os dados, o headset teve um melhor desempenho que o próprio PS4, sua plataforma-mãe, que foi o segundo hardware de games mais vendido no país com 30,154 dispositivos comercializados. 

Hardware de games mais vendidos no Japão de 10 a 16 de outubro

PS VR: 51,644
PS4: 30,154
New 3DS XL: 15,905
Vita: 8,772
2DS: 8,203
New 3DS: 2,983
Wii U: 2,430
PS3: 814
3DS: 346
Xbox One: 323
3DS XL: 71

- Continua após a publicidade -

O Playstation VR chegou ao mercado custando US$ 399, mas ainda não está disponível no Brasil. O headset é composto por uma tela OLED de 5.7'', dividida em duas lentes, com frequência de atualização de 120Hz, áudio 3D e sensores de movimento que permitem mapear o ambiente em 360°. Confira os jogos disponíveis na plataforma no site da Playstation.

 

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Via: Kotaku, Vg247
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.