Salesforce, Disney e Google não querem comprar o Twitter

Ninguém quer comprar o Twitter, aparentemente. Durante a semana, as empresas que demonstraram suposto interesse em adquirir a rede social de 140 caracteres desistiram do negócio. No início da semana, fontes da Disney disseram que o conglomerado de mídia desistiu do negócio com a rede social, bem como o Google, outro potencial, e lógico, comprador.

Com a saída de Disney e Google, a única empresa restante que teria interesse no Twitter era a Salesforce, empresa de sotfware on demand dos Estados Unidos. Porém, ontem, o CEO da companhia, Marc Benioff, disse ao Financial Times que "seguiu em frente" e não fechará negócios com a rede social comandada por Jack Dorsey.

Disney, Google e Salesforce eram os nomes mais cotados para incorporar o Twitter, mas outras empresas também estavam supostamente interessadas na rede social. Estavam. De acordo com o ReCode, a Apple negou interesse na rede social e a operadora Verizon, que também foi cotada, desmentiu os rumores.

Uma grande aquisição faria muito bem para o Twitter no momento, já que a rede social está com seu crescimento estagnado nos últimos anos. A renda da rede social também cresce devagar, ao mesmo tempo em que a equipe de desenvolvedores tem que lidar com trolls, bots e o Estado Islâmico.

Apesar das dificuldades, a companhia ainda investe em novidades e upgrades, como o modo noturno para dispositivos móveis e o streaming de jogos da NFL e os debates presidenciais dos Estados Unidos.

O próximo relatório fiscal do Twitter será apresentado em 27 de outubro e teremos uma estimativa de como está a situação da empresa. Para quem usa a rede social, basta torcer para que o microblog permaneça firme e a hashtag #diegocarente viva até as próximas gerações.

- Continua após a publicidade -

@alive75 Sugestão pro videocast #Adrenalive#diegocarente @kerberdiego pic.twitter.com/uAya8uh1e8

— Meu nome é 〽️ariela (@Mari_Cancelier) 3 de junho de 2016

Via: The Verge
Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.