Desenvolvedor de No Man's Sky poderá falar pessoalmente sobre polêmicas do jogo

Geoff Keighely, um jornalista canadense de games, comentou em seu novo vídeo no canal YouTube Gaming que Sean Murray estaria "aberto" para discutir sobre as polêmicas do seu jogo No Man's Sky. Murray comentaria no canal do jornalista o porquê de ter feito uma propaganda enganosa e o que deu de errado no título. Desde o lançamento de No Man's Sky, Murray basicamente sumiu da internet.

Análise de No Man's Sky

"Eu finalmente falei com Sean há algumas semanas por e-mail. Ele me disse que a equipe está trabalhando duro em atualizações, e que ele está aberto para vir neste show - ainda em outubro - para falar mais sobre isso", comentou Geoff Keighely. Durante um mês o desenvolvedor não tweetou nada sobre sua criação, e não comentou sobre o marketing irregular do mesmo. A Hello Games, desenvolvedora do jogo, está atualmente sendo investigado pela Agência de Publicidade do Reino Unido por propaganda enganosa.

Marketing de No Man's Sky pode ser removido da Steam por propaganda enganosa

O game estreou com 212.321 jogadores no dia 12 de agosto, mas em apenas dez dias perdeu 91% de jogadores simultâneos. Um dos motivos da queda no número de jogadores é os problemas técnicos que o game enfrentava no PC. Diversos jogadores relataram problemas na taxa de quadros e eventuais travamentos. A Hello Games, produtora de "No Man's Sky", ainda não lançou um patch para reparar os problemas.

Tags
  • Redator: Mariela Cancelier

    Mariela Cancelier

    Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.