NVIDIA GeForce GTX 1080 Ti tem especificações vazadas e pode ser lançada no Natal [+fake]

[+fake]: De acordo com o pessoal do Guru3D, uma das principais fontes desse rumor, parece que a imagem das especificações possui indícios de montagem, como na falta de alinhamento entre alguns caracteres, logo está sendo considerada falsa.

[+texto original]: A próxima placa de vídeo high-end da geração Nvidia Pascal, a GeForce GTX 1080 Ti pode estar mais perto de chegar do que a gente imagina, e já vazaram suas supostas especificações.

De acordo com o site Overclock 3D, trata-se de uma GPU com 12 GB de memória VRAM GDDR5. Como se isso não fosse suficiente, ela ainda deverá ter 768 mais núcleos CUDA do que a GTX 1080.

As informações dão conta de que a GTX 1080 Ti é baseada na mesma GPU que a GTX Titan X de 2016, a GP102. Porém, há alguns downgrades significativos. Primeiro, a memória GDDR5X da Titan X teria sido substituída pela mais lenta GDDR5.

- Continua após a publicidade -

Essa mudança resultaria em 384 GB/s de largura de memória, o que é uma bela redução em comparação com os 480 GB/s da Titan X. Mesmo assim, isso ainda seria superior ao que a GTX 1080, junto de sua memória GDDR5X, oferece.

A outra grande diferença estaria na quantidade de streaming multiprocessors (SMs). 4 dos 30 SMs da Titan X teriam sido desabilitados para o novo lançamento.

Segundo o site Tweak Town, o mais provável é que a placa chegue custando perto de US$ 899 (R$ 3 mil, na conversão direta), cerca de US$ 200 (R$ 670) a mais que a GTX 1080 Founder's Edition. O site TechPowerUp projeta o lançamento da GPU para o período do Natal de 2016. 

Enquanto isso, há rumores que indicam que a 1080 Ti só deve chegar quando a AMD lançar uma concorrente no mercado topo de linha.

- Continua após a publicidade -

Via: Tweak Town, TechPowerUp Fonte: Overclock 3D
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Devem existir lançamentos de chips com melhorias na mesma arquitetura

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.