Hasbro, Mattel e outras duas empresas fazem acordo de US$ 835 mil por rastrear crianças online

Viacom, Mattel, Hasbro,JumpStart Games aceitaram acordo de US$ 835 mil com a justiça americana devido ao rastreamento indevido da navegação de usuários abaixo dos 13 anos. De acordo com o Children’s Online Privacy Protection Act (COPPA), é ilegal nos Estados Unidos qualquer monitoramento das atividades online de crianças. 

A punição é resultado de uma investigação de dois anos, a "Operation Child Tracker" (em tradução livre, "operação rastreador de criança"), e descobriu que essas empresas não protegiam os dados das crianças de terceiros, disponibilizando essas informações para uso de marqueteiros e empresas de publicidade. Além da multa, as empresas se comprometeram a revisar o monitoramento e uso dos dados dos menores.

Combinadas, essas empresas possuem em seu portfólio nomes de peso no mercado de produtos voltados para crianças, como Nickelodeon (Viacom); Barbie e Hot Wheels (Mattel) e até o My Little Pony (Hasbro).

COPPA foi promulgada em 1998 e regulamenta o rastreamento de pessoas com menos de 13 anos na internet, motivo pelo qual algumas redes sociais recusam a criação de cadastros de quem possui idade inferior a essa. Não há um paralelo no país que trate do monitoramento dos menores de idade, sendo que no Brasil a medida mais notória de controle sobre práticas semelhantes é a resolução 163, editada pelo Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (Conanda), visando à proibição de qualquer propaganda que seja dirigida a crianças.

Via: The Next Web
Tags
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

Qual os planos para hardware esse ano?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.