Panasonic e Sony fazem parceria com empresas para dividir custo de TVs 8K

As empresas Panasonic e Sony iniciaram uma parceria com a emissora japonesa NHK e outras desenvolvedoras de tecnologia para estimular a venda de TVs 8K a tempo das Olimpíadas de Tóquio. Além de vender mais TVs, o acordo é parte de uma tática de mercado para recuperar a participação de empresas japonesas, que foi abafada por rivais estrangeiros. A última vez que o Japão conseguiu vantagem no mercado deste eletrodoméstico foi com o lançamento de televisões de tela plana, no início do ano 2000.

Canal japonês NHK começa a testar transmissões em 8K

As TVs com resolução em 8K possuem quatro vezes mais pixels do que o 4K, e 16 vezes mais resolução do que a qualidade Full HD (1080p). Testes nesta máxima resolução já foram feitos durante as Olimpíadas do Rio neste ano com a emissora japonesa NHK. A empresa organizou estações públicas de streaming no Japão para que pessoas assistissem à transmissão em teste antes que a tecnologia e propaganda de "8K nas Olimpíadas 2020" fosse oficialmente "vendida". 

O Japão planeja iniciar a transmissão televisiva em grande escala 8K já em 2018. Mas isso requer uma tecnologia avançada, já que televisores que suportem a qualidade são difíceis de desenvolver. Por isso, a Panasonic e a Sony fizeram parceria com outras empresas japonesas, dividindo o peso dos custos de desenvolvimento.

A NHK irá supervisionar a qualidade das transmissões e desenvolver normas relacionadas. A equipe também irá trabalhar na compressão de dados e tecnologia de áudio. 

Fonte: Nikkei
Assuntos
Tags
  • Redator: Mariela Cancelier

    Mariela Cancelier

    Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.