Hack consegue destravar milhões de carros Volkswagen fabricados desde 1995

Pesquisadores de segurança da Kasper & Oswald descobriram uma vulnerabilidade no sistema de destravamento remoto de veículos Volkswagen fabricados desde 1995. A falha afeta também outras marcas da companhia, a Audi, Seat e Skoda, totalizando uma proporção aproximada de 100 milhões de carros que podem ser afetados pelo hack. Explorando a falha é possível destravar qualquer um desses automóveis usando apenas um rádio feito em casa que sai pelo valor aproximado de R$ 124 (£ 30).

O processo envolvido para explorar a vulnerabilidade é descrito no artigo publicado pelos pesquisadores, sem revelar detalhes suficientes para que ele possa ser replicado, uma vez que a Volkswagen ainda está trabalhando em corrigir o problema. Em resumo, o hack consiste em copiar o sinal emitido pelas chaves remotas originais e usar um processo de engenharia reversa para descobrir chaves mestras criptografadas que só o dono do veículo normalmente teria acesso.

A montadora foi notificada do problema e segundo a Kasper & Oswald, as reuniões foram bastante "produtivas". A Volkswagen admitiu à BBC que consertar o problema não vai ser fácil, já que provavelmente será necessário substituir milhões de chaves remotas. Mas também disse que a vulnerabilidade não pode ser muito facilmente explorada, afirmando que é necessário "um nível acadêmico de criptografia" pra poder replicar o hack.

Fonte: BBC
Tags
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

Deve ter lançamentos como leve melhorias na mesma arquitetura

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.