Nvidia cresceu 24%, AMD ainda opera no vermelho: empresas liberam relatórios fiscais do segundo trimestre.

AMDNvidia divulgaram seu relatório fiscal do segundo trimestre de 2016. O lado verde da força alcançou resultados positivos, com a receita chegando a US$ 1.43 bilhões, um crescimento de 24% comparado ao mesmo período do ano passado, e 9% superior aos resultados do primeiro trimestre. Segundo a Nvidia, os bons números são efeito da alta demanda por placas de vídeo baseadas na microarquitetura Pascal, algo que ficou evidente para os consumidores por conta da dificuldade de obter alguns dos novos modelos.

Por parte da AMD, os resultados não foram muito interessantes. A empresa fechou o período no negativo, com perda de 8 milhões de dólares em suas operações. Colocando em perspectiva, isso representa uma melhora interessante comparado ao mesmo período do ano passado, quando a perda chegou a US$ 137 milhões. As novas placas de vídeo baseadas em Polaris, que também vem sumindo das prateleiras, e as APUs, processadores com gráficos integrados da empresa, foram os principais responsáveis pela melhoria da empresa, e de acordo com a CEO Lisa Su, a expectativa é a volta do crescimento no mercado na segunda metade desse ano.

Fonte: AMD
Tags
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

Um dos maiores hypes dos games chegou. Como você vai em Cyberpunk 2077

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.