Irã proíbe Pokémon GO no país por questões de segurança

O governo da República Islâmica do Irã emitiu hoje uma decisão que proíbe iranianos de jogarem Pokémon GO por preocupações com a segurança. A decisão veio do Conselho Supremo do Espaço Virtual (Supreme Council of Virtual Space), uma organização criada em 2012 pelo líder supremo, o aiatolá Ali Khamenei, para monitorar e "controlar" a internet. O conselho não detalhou porque proibiu os iranianos de jogarem o game, apenas declarou que "questões de segurança" levaram à decisão.

Pokémon GO: game já está disponível no Brasil para iOS e Android [+update]

A BBC especula que, apesar do irã ser um país muito ligado à religião, a decisão do conselho não aconteceu devido preocupações religiosas. Além disso, o Irã não é o primeiro país no Oriente Médio a proibir sua população de jogar Pokémon GO. Apesar de não ser autorizado por autoridades no Oriente Médio, o servidor do jogo ainda é ativo na região e tem mostrado grande popularidade entre os jogadores de lá. Muitas screenshots de Pokémon GO em meio aos conflitos na Síria e no Iraque têm aparecido em mídias sociais.

No Egito, por exemplo, mesmo antes do jogo fazer sua estreia oficial, centenas de jogadores baixaram a APK para Android e saíram pelas ruas de Cairo para pegar Pokémons. Mesmo no Egito, que não proibiu oficialmente o jogo, as autoridades alertam que o game pode trazer riscos de segurança e desaprovam o uso do aplicativo. Segundo a BBC, muitos jogadores têm andado em grupos para minimizar o risco de conflitos com autoridades e evitam jogar em torno dos edifícios do governo. A parte ruim de evitar esse contato é que muitos edifícios conhecidos e grandes construções são indicados como Pokéstops.

- Continua após a publicidade -

 

Fonte: BBC
Tags
  • Redator: Mariela Cancelier

    Mariela Cancelier

    Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

Pra você, quem merece o GOTY?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.