Entrevista: Joana Caldas, sobre os desafios e estereótipos das mulheres gamers

Chegou a hora de mais uma entrevista no Adrenaline. Desta vez, conversamos com a jornalista Joana Caldas para conhecer mais sobre como é ser uma garota / mulher gamer em um universo tão divertido, competitivo, e muitas vezes nocivo, que é o dos jogos eletrônicos.    

Joana falou um pouco mais de como é ser uma jogadora que se diverte desde os 4 anos de idade, quais plataformas possui, como se relaciona dentro e fora dos games e em que tipos de preconceitos e estereótipos já esbarrou. Também opinou sobre o que o é ser gamer de verdade e deu até dicas para quem já passou por alguma situação mais chata.

Participaram da bancada: Andrei Longen e Mariela Cancelier. Filmagem: Thiago Santana. Edição: Gabriela Augusto.

Assuntos
Tags
  • Redator: Andrei Longen

    Andrei Longen

    Jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Andrei Longen é entusiasta por videogames desde os 7 anos, quando ganhou um Odyssey 2, seu primeiro console. Hoje tem PS4, PS3 e PS Vita e adora caçar troféus em todos os jogos. Colabora no Adrenaline com notícias, análises, artigos, colunas e vídeos.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.