Alphabet é acusada de ter plagiado ideia do projeto Loon

Você lembra do Projeto Loon, a inciativa do Google que usa balões para levar internet a áreas remotas do globo? A Alphabet, empresa que agora comanda o Google, está sendo processada por ter plagiado o projeto da Space Data Corporation (SDC), companhia que também trabalha com tecnologias espaciais e balões de ar.

De acordo com a queixa, os criadores do Google, Larry Page, Sergey Brin, e executivos da Google X visitaram a SDC em 2007 em busca de novos negócios para investir. As companhias assinaram um contrato de não-divulgação e os executivos do Google tiveram acesso a projetos secretos da SDC, que incluíam experimentos com balões de ar.

A SDC também divulgou imagens de Sergey Brin, atual CEO da Alphabet, segurando um dos protótipos desenvolvidos por eles.

A empresa de dados espaciais não recebeu investimentos do Google e agora está processando a companhia por quebra de patente. O Google alega que a SDC quebrou o contrato de não-divulgação quando seus funcionários comentaram sobre as negociações numa reportagem de 2008 do Wall Street Journal, onde o jornal fala sobre o projeto da Space Data Corporation de levar internet para o interior dos Estados Unidos com balões.

A SDC declara que os termos do contrato não mencionavam sigilo e acusa a Google X de trabalhar durante os últimos oito anos com a tecnologia que foi plagiada. O processo legal foi registrado esta semana numa corte de San Jose, na Califórnia. Os desdobramentos do caso devem ser divulgados em breve.

 

 

 

Via: Engadget
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

O quanto você valoriza a localização de um game?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.