Facebook esclarece que não usa conversas dos usuários captadas no microfone para vender anúncios

Após rumores de que estaria vendendo anúncios baseado em conversas captadas pelo microfone do smartphone, o Facebook lançou uma nota para esclarecer que não usa captura de áudio para direcionar anúncios para seus usuários.

A polêmica começou após um artigo do jornal "The Independent" em que um professor da Universidade de San Francisco disse que recebeu anúncios na rede social que estavam relacionados a conversas que ele teve próximo ao smartphone. Com isso, a suspeitas de que o aplicativo do Facebook utilizada o microfone do celular para captar informações e vender para anunciantes começou a crescer.

Instagram ganha novo feed com algoritmo do Facebook

Outro fator que alimentou os boatos é que o microfone está listado nas permissões do aplicativo para Android e iOS. Em um comunicado oficial, o Facebook esclareceu que a captura de áudio só acontece quando solicitado pelo usuário. 

"Nós somente acessamos o seu microfone se recebermos a permissão no aplicativo e se alguma função específica que requer áudio for acionada. Isso inclui gravar um vídeo ou usar a opção de incluir músicas ou outros áudios em atualizações de status, funcionalidade introduzida há dois anos"

- Continua após a publicidade -

Segundo o comunicado do Facebook, todos os anúncios e conteúdos que aparecem no Feed de Notícias dos usuários é baseado nos interesses da pessoa e informações do perfil na rede social.

Via: Engadget Fonte: Facebook
Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

A Activision acertou ao colocar músicas do Charlie Brown Jr. no Tony Hawk's 1+2

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.