Huawei pretende vender mais smartphones que Apple e Samsung em 5 anos

Se os planos da Huawei derem certo, a companhia chinesa vai ultrapassar a Apple e a Samsung nas vendas de smartphones em cinco anos. Durante a Conferência de Tecnologias Convergentes, o CEO Richard Yu disse que pretende ser a empresa número 1 de smartphones no mundo em menos de meia década. "Nós queremos ser a fabricante número 1 em smartphones no mundo. É uma corrida a longo prazo, e nós devemos ter paciência".

Huawei inicia parceria com a Leica para melhorar a câmera de seus smartphones

Atualmente, a Huawei é a terceira maior fabricante do mundo, possuindo uma fatia de 8,3% do mercado. A empresa só fica atrás da Samsung e Apple, que possuem 23,2% e 14,8%, respectivamente. Para atingir o feito e destronar as duas grandes empresas, a Huawei pretende continuar investindo em smartphones topo de linha, segmento em que a empresa chinesa vem ganhando bastante espaço.

"Nosso maior crescimento vem de dispositivos topo de linha e segmento premium. Se você quer ser ser o líder de vendas, tem que ser o líder nos topos de linha" - Richard Yu, CEO da Huawei

Como os dados da Gartner indicam, as fabricantes chinesas estão crescendo no mercado dos smartphones e tirando parte dos consumidores de grandes marcas. Juntas, a Huawei, Oppo e Xiaomi já possuem 17% da fatia das vendas mundiais, número superior ao da Apple, companhia já consagrada no setor.

- Continua após a publicidade -

 

 

Via: Cnet Fonte: Wall Street Journal
Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

A Activision acertou ao colocar músicas do Charlie Brown Jr. no Tony Hawk's 1+2

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.